sábado, 26 de agosto de 2017

O custo de ter Amigos Internacionais

Ter amigos de outras nacionalidades e que vivam noutras partes do mundo abre os nossos horizontes e mostra-nos o quão pequeno pode ser este grande planeta. Mostra-nos uma perspectiva totalmente diferente de algo a que estamos acostumados que seja de certa forma. Faz com que seja mais fácil visitar certo local porque sabemos que o alojamento é garantido. Mostra-nos lugares e saberes que até então eram desconhecidos. Faz com que estejamos mais despertos e alerta para o mundo e as notícias lá de fora, para que saibamos que está tudo bem com o "alguém" caso tenha acontecido alguma coisa. Mostra-nos todo um novo mundo de comidas e sabores que até aquela altura eram desconhecidos ou apenas tínhamos "ouvido falar". Mostra-nos o quão fantástico é partilhar interesses com pessoas que pareciam totalmente diferentes de nós porque apenas sabíamos coisas acerca dos grupos em que se inserem - o seu país, por exemplo - através das notícias e da internet.

Em contrapartida, faz com que fiquemos tristes de cada vez que temos de dizer "adeus" e sem saber quando será o próximo "olá". Faz com que seja difícil ser e estar presente na vida dessa pessoa que nos diz muito, só e pelo simples facto de viver longe de nós. Faz com que o reencontro de todas as pessoas que conhecemos em certo sítio nesse mesmo sítio seja complicado porque a partir do momento que saímos de lá, as nossas vidas andam para a frente e passa a ser algo diferente daquilo que estávamos a viver. Faz com que a ânsia de voltar a vê-las seja enorme e juntemos o máximo de dinheiro possível só para ir ter com elas ao seu país o mais cedo possível.

Em suma, ter amigos internacionais é algo fantástico e único. Apostem nisso, sei bem do que falo.

Alguns dos amigos que fiz em Erasmus - Portugueses e Estrangeiros
P.S. - Quando digo amigos internacionais, também podem ser nacionais. """Sofro""" de ambos os casos devido ao Erasmus.

*Fotografias/Montagem da minha autoria. Não utilizar sem autorização prévia*

Sem comentários:

Enviar um comentário